PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Arujá lança programa de combate à enchentes no verão

Foto: Rodrigo Sitta/PMA
Share on whatsapp
Share on telegram

Prefeitura iniciou projeto-piloto de “bueiro inteligente”

A Prefeitura de Arujá lançou hoje (27), no Parque dos Ipês, o 1º Programa de Contingenciamento de Chuvas. O prefeito Luís Camargo (PSD) apresentou o plano, que visa combater enchentes e pontos de alagamento, antecipando-se aos imprevistos que possam acontecer no período de chuvas.

O evento teve a apresentação dos pontos principais do programa pelo secretário municipal de Serviços, Rodolfo Machado, que ressaltou o trabalho de zeladoria que vem sendo feito, desde o início do ano, com a limpeza de rios, córregos e de bueiros, inclusive com uso de hidrojato nestes últimos, além de apresentar um projeto-piloto do “bueiro inteligente”, que se trata de uma gaiola onde os detritos ficam retidos, impedindo o entupimento e, consequentemente, as enchentes.

Camargo ressaltou aos presentes que, desde o começo do ano, a Prefeitura se preocupou em mapear os pontos vulneráveis, para planejar a execução das medidas de prevenção, minimizar possíveis danos futuros e executar os serviços de forma rápida e eficiente, quando for necessário.

“Nós identificamos logo no começo da gestão os pontos críticos e planejamos essas ações do 1º Programa de Contingenciamento de Chuva para que, quando for preciso colocá-lo em prática, sejam reduzidos ao máximo os transtornos”, explicou o chefe do Executivo Municipal, lembrando que em 25 de janeiro também já tinha instituído um grupo de trabalho destinado à implantação do Núcleo de Prevenção de Desastres no período de chuvas.

O secretário municipal de Assuntos Jurídicos, Marcos Regueiro, apresentou os decretos publicados sobre a questão, sendo o de nº 7.795, de 18 de outubro de 2021, que institui o Plano de Contingência e de Proteção e Defesa de Arujá, e o 7801 de 27 de outubro de 2021, que cria o novo grupo de trabalho.

O secretário Regueiro destacou a parceria com as demais secretarias (Governo, Meio Ambiente, Segurança Pública, Habitação, Obras e Planejamento, Serviços e Assistência Social), órgãos e entidades representativas.

A apresentação contou com a presença do promotor de Justiça de Arujá, Claudio Sergio Alves Teixeira, que representou o Ministério Público do Estado (MPSP). Ele comentou sobre a importância do programa, viabilizado pela Prefeitura de Arujá, que buscou se antecipar aos problemas comuns em época de chuvas, e que espera que outros entes façam como Arujá, antevendo essas questões, pois, desta forma, cumpre-se o propósito de servir à sociedade como servidores públicos, de maneira mais rápida e com maior probabilidade de resultados, inclusive evitando ocorrências.

Tópicos
Compartilhe
Share on whatsapp
Share on telegram
Veja também
SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE