PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Grupo fecha Via Dutra e prejudica arujaenses que trabalham em São Paulo

Manifestantes queimam pneus e fecham via Dutra em Guarulhos
Foto: PRF

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

EMTU confirma atraso nas linhas que ligam Arujá a São Paulo

Um protesto de moradores da comunidade Sata, em Guarulhos, bloqueou as duas pistas da rodovia Presidente Dutra, sentido capital paulista, na manhã desta terça-feira (31), na região de Cumbica. Com isso, arujaenses que trabalham em São Paulo têm dificuldades de chegar ao destino.

A EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) confirmou que 52 linhas que ligam, Arujá, Guarulhos e Mogi das Cruzes à cidade de São Paulo ficaram com os horários atrasados.

Os manifestante queimaram pneus em protesto à retirada de suas residências, o que causou congestionamento superior a 10 km, próximo ao pedágio de Arujá.

A Prefeitura de Guarulhos informou que 33 residências precisaram ser retiradas por causa do alto risco de enchentes.

“Devido à gravidade dos riscos, foi acordado com os moradores o cadastro para o recebimento do aluguel social por até 24 meses. A primeira parcela desse auxílio (R$ 400) já foi paga e permitirá uma nova residência em um lugar seguro. O Bolsa Família também será concedido àqueles que estão aptos. Juntos, os benefícios podem chegar a R$ 1.000,00 por família”, explicou a Prefeitura, em nota.

Diante da dificuldade, muitos passageiros desceram dos ônibus parados na via Dutra e decidiram prosseguir a viagem à pé.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.