PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Idosa tem cadeira de rodas imprensada por carro da Paraíso do Tuiuti

Foto: Reprodução/G1

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Escola diz que mulher sentiu-se mal, foi atendida e passa bem

Uma integrante da Escola de Samba Paraíso do Tuiuti passou mal durante o desfile do Grupo Especial, na noite deste sábado, na Marquês de Sapucaí, e a cadeira de rodas onde ela estava acabou imprensada por um carro alegórico da própria agremiação.

Hoje (24), a assessoria de imprensa da escola informou que Alba Regina Gomes, de 72 anos, recebeu alta da emergência do Hospital Souza Aguiar, após um carro alegórico colidir com a cadeira de rodas em que estava, na madrugada deste domingo.

“Ela se encontra bem e foi para casa. Durante o desfile da azul e amarelo, ela se sentiu mal e foi socorrida pela equipe de socorristas do Sambódromo, quando o último carro da agremiação “bateu” em sua cadeira de rodas”, informou a assessoria da Tuiuti.

A Paraíso do Tuiuti, que foi a primeira escola a se apresentar na noite de ontem no Sambódromo, acompanhou Alba Regina no hospital e se colocou à disposição para ajudá-la no que for preciso.

O caso acontece após a grande repercussão da morte da menina Raquel Antunes da Silva, de 11 anos, que se envolveu em um acidente com um carro alegórico de escola de samba na noite de quarta-feira (20). Ela tinha subido no carro alegórico da escola de samba Em Cima da Hora, que manobrava na saída da Praça da Apoteose, e acabou imprensada entre a estrutura e um poste quando o veículo se movimentou. Ela foi encaminhada ao hospital e teve uma perna amputada.

(Com informações da Agência Brasil)

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.