PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Prefeitura presta homenagem para arujaense que criou projeto voltado à saúde mental de alunos

Foto: Rodrigo Sitta/PMA

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Moradora do Mirante foi a vencedora da Feira de Ciências e Engenharia de Guarulhos

Na tarde da última segunda-feira (20), o prefeito de Arujá, Luis Camargo (PSD), prestou homenagem, em nome da Prefeitura, para a estudante Isadora Niz Pereira da Silva, de 18 anos, moradora do bairro do Mirante, que cursa o penúltimo ano do curso de Informática para Internet no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), que fica em Guarulhos.

Isadora e família foram recepcionadas pelo chefe do Executivo Municipal e pela secretária municipal de Educação, Elaine Gentil. A moça foi homenageada com flores e um certificado por ter criado, junto à colega de classe Bruna Giselle Arruda de Lima, um projeto intitulado “IFSPCHAT – Saúde Mental, Tecnologia e Interação Escolar”, que foi ganhador do VIII FECEG (Feira de Ciências e Engenharia de Guarulhos) e classificado em 2022 para a feira nacional Febrace (Feira Brasileira de Ciências e Engenharia).

Isadora nasceu em São Paulo, porém, sempre morou em Arujá, onde reside até hoje com a mãe professora, Christiany Niz Pereira da Silva, o pai e motorista de ônibus Marcelino Pereira da Silva e as irmãs Isabela, de 22 anos, que também enveredou pelo caminho da Pedagogia, e de Isabel, de 11 anos. De família evangélica, Isadora, assim como as irmãs estudaram na rede de ensino municipal arujaense.

“Isadora é um exemplo para a nossa juventude e um orgulho para a nossa cidade, razão pela qual essa homenagem é mais do que justa e merecida”, pontuou Camargo.

A mãe de Isadora conta que a filha conseguiu, após muito estudo e por aconselhamento da escola pública, onde estudava, ingressar no renomado Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP). Na unidade, ela tem se destacado pela atuação como representante de turma, co-presidente do Grêmio Estudantil, representante do Conselho Superior (Consup) e professora do cursinho popular oferecido pelo IF para pessoas de baixa de renda.

“Recentemente ela também foi homenageada pelo vereador Reynaldinho com uma moção de aplauso e agora pela Prefeitura e tem sido uma grata surpresa para nós, pois não esperávamos essa repercussão”, observou a mãe de Isadora.

A estudante explica que o projeto alia saúde mental, escola e Inteligência Artificial (I.A.), com o objetivo de trazer um novo conceito ao corpo docente para promover a saúde dos estudantes, tentando buscar acompanhamento psicológico a quem precisa, com chatbots facilitadores para a comunicação.

“Estou muito feliz e agradecida com a homenagem e espero que esse projeto, que nasceu devido às dificuldades que observamos também na pandemia, possa servir como uma ferramenta de auxílio para os alunos e também os professores”, disse Isadora, que pretende cursar Psicologia ou Psiquiatria futuramente.
Para a mãe da estudante, a família está bastante orgulhosa da “semente” que a filha tem plantado. “Temos que criar nossos filhos para serem cidadãos do bem e cobramos tanto dos governos, em geral, mas não podemos nos esquecer que também temos que fazer a nossa parte. É muito bom se isso puder servir de inspiração para outros jovens e que, apesar de todas as dificuldades, as pessoas possam entender que podemos usar essas pedras para construir um caminho de sucesso, que é o da Educação”, finalizou.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.