PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

290 arujaenses ainda não receberam a segunda dose da vacina contra a covid-19

Foto: Divulgação/Sesa
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Especialistas indicam que imunização completa é necessária para proteção contra variante delta

A Secretaria Municipal de Saúde informou, nesta quarta-feira (21), que 290 moradores de Arujá ainda não retornaram para tomar a segunda dose da vacina contra o coronavírus. No Estado de São Paulo, 642 mil paulistas estão nesta situação.

Em Arujá, 160 das pessoas que não retornaram receberam a AstraZeneca, da Fundação Fiocruz, enquanto 130 tomaram a Coronavac, do Instituto Butantan.

Regiane de Paula, coordenadora do Plano Estadual de Imunização, afirmou que não há atrasos entre os vacinados pela Pfizer, já que este grupo ainda não começou a tomar a segunda dose. “Só com a segunda dose você estará protegido, assim como os que estão perto de você e toda a coletividade”, avaliou, hoje (21), em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, na capital paulista.

O secretário-executivo do Centro de Contingência do Coronavírus no Estado de São Paulo, João Gabbardo, disse que há muitas pessoas que não querem tomar a segunda dose, especialmente da AstraZeneca, por causa dos efeitos colaterais. Ele defendeu um maior incentivo à população para completar o esquema vacinal, principalmente com o avanço da variante delta da covid-19 no Brasil.

Tópicos
Compartilhe
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Comentários
Veja também
SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE