PUBLICIDADE

Estupros disparam em Arujá no primeiro semestre; crianças são as maiores vítimas

Foto: Pixabay
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Maioria das vítimas são vulneráveis, ou seja, crianças, adolescentes e deficientes

Levantamento da Secretaria de Estado de Segurança Pública, divulgado nesta sexta-feira (23), revela que Arujá registrou crescimento de 130% nos estupros no primeiro semestre deste ano, em comparação com o mesmo período de 2020.

Entre janeiro e junho ocorreram 23 estupros em Arujá, destes, cinco apenas no mês passado. Já os primeiros seis meses do ano passado tiveram 10 estupros.

A maioria das vítimas são vulneráveis, ou seja, crianças, adolescentes e deficientes. Dos 23 crimes sexuais do primeiro semestre, 20 foram cometidos em vulneráveis. No mesmo período de 2020 ocorreram nove estupros em vulneráveis.

Outro crime em alta na cidade é o de roubo. Entre janeiro e junho foram contabilizadas 140 ocorrências deste tipo, ante 128 nos primeiros seis meses de 2020.

Tópicos
Compartilhe
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Comentários
Veja também
SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE