PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Moradores do Barreto protestam contra a Continental na Câmara Municipal

Foto: Imprensa/CMA

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Há temor de retomada das reintegrações de posse em julho

Um grupo de cerca de 30 moradores do Parque Rodrigo Barreto e do Residencial compareceram à sessão desta segunda-feira (2) na Câmara Municipal para solicitar apoio aos vereadores contra a Imobiliária Continental. Eles temem que as reintegrações de posse retornem em julho, já que a proibição do procedimento pelo STF (Supremo Tribunal Federal) se encerra no próximo mês.

Durante a sessão, Magno Silva, 54 anos, em nome do grupo, tomou a palavra e interrompeu a sessão. Ele fez um desabafo sobre o temor dos moradores de perderem as suas casas e pediu intervenção do Legislativo para intermediar uma solução.

“É um massacre. Você aluga um terreno com a Continental, com promessa de compra e 30 anos depois perde a residência e a imobiliária não efetua a venda”, comentou Silva. Ele avalia que metade das residências no Barreto são irregulares.

O presidente da Câmara Municipal, Abelzinho Larini (PL), não interropeu o discurso de Silva e prometeu ouvir os moradores após a sessão. Depois, ele suspendeu os trabalhos por 10 minutos para ouvir uma comissão de moradores. Larini prometeu procurar a Prefeitura para solicitar a adoção de medidas contra a Continental.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI.