PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PRF recupera 26 canários-da-terra levados em três gaiolas em Arujá

Foto: PRF
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Aves foram obtidas em São Paulo e eram levadas para a Paraíba

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na noite de sexta-feira (14), um homem de 69 anos que transportava 26 canários-da-terra em três gaiolas. Eles foram obtidos ilegalmente em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, e estavam sendo levados para Monteiro, na Paraíba. O homem responderá em liberdade.

O flagrante ocorreu às 3 horas, na madrugada de sexta, quando policiais rodoviários federais fiscalizavam no km 204 da rodovia Presidente Dutra, em Arujá, e pararam uma caminhonete Toyota Hilux. Durante a verificação, os PRFs perceberam as gaiolas no banco de trás do veículo e descobriram o crime. O motorista não tinha documento de origem legal dos animais. Também não foi claro sobre o modo que os obteve.

O homem e os animais foram levados para a delegacia da Polícia Civil em Arujá, onde foi registrado o crime ambiental. Após o registro de um Termo Circunstanciado de Ocorrência, o homem foi liberado para responder em liberdade. Já os animais serão encaminhados à Polícia Militar Ambiental para tratamento e liberdade.

O canário-da-terra é bastante procurado devido ao seu canto intenso desde poucos meses. Muitos recorrem aos obtidos ilegalmente, alimentando o tráfico de animais, que provoca maus-tratos e morte de muitas aves. A obtenção legal é possível e regulada pelos Órgãos Estaduais de Meio Ambiente (OEMAS). Em São Paulo, é possível verificar os locais autorizados no site da Secretaria da Infraestrutura e Meio Ambiente.

Tópicos
Compartilhe
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Comentários
Veja também
SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE