PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Alto Tietê recebe 60 cilindros de oxigênio

Foto: Divulgação
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest

Itens são essenciais para o atendimento de pacientes com covid-19

A região do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê) recebeu na sexta-feira (9) 60 cilindros de oxigênio para reforçar o atendimento aos pacientes em tratamento contra o coronavírus.

Os equipamentos, enviados pelo Governo do Estado após solicitação do Condemat, foram destinados aos municípios de Biritiba Mirim, Poá e Suzano, que neste momento, apresentavam o maior risco de desabastecimento. Cada cidade recebeu 20 cilindros de 10 metros cúbicos cada. 

Ao contrário dos grandes hospitais, onde o oxigênio é armazenado em tanques, os municípios de médio e pequeno porte dependem do oxigênio em cilindros, que estão em falta em todo o país.

Com os estoques dos municípios renovados, o Condemat segue solicitando apoio do Governo do Estado e Ministério da Saúde para que não haja desabastecimento de oxigênio de outros insumos hospitalares na região.

“Estamos trabalhando em várias frentes para que as unidades de saúde não fiquem desabastecidas e a população tenha o atendimento necessário desde os casos moderados até os casos mais graves da doença”, disse o secretário executivo do consórcio, Adriano Leite.

Tópicos
Compartilhe
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Comentários
Veja também
SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE