26.5 C
Arujá
quarta-feira, maio 5, 2021
InícioVariedadesPalestra e teatro na Câmara vão abordar suicídio; entrada é franca
- PUBLICIDADE - Error: Embedded data could not be displayed.
- PUBLICIDADE - Error: Embedded data could not be displayed.

Palestra e teatro na Câmara vão abordar suicídio; entrada é franca

- PUBLICIDADE -

Evento integra a Semana de Conscientização sobre a Depressão e Prevenção ao Suicídio em Arujá.

Autora da Lei Municipal nº 3195/2019 que cria a Semana de Conscientização sobre a Depressão e Prevenção ao Suicídio em Arujá, a vereadora Cristiane Araújo Pedro (PSD), realizará nesta terça-feira (10/9), às 19h, na Câmara Municipal, o evento Viver é a melhor opção, sempre! O objetivo é chamar a atenção para o aumento dos casos de depressão, considerada a doença do século, e os altos índices de suicídio entre os jovens.

A programação prevê a realização de duas palestras, uma delas feita pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), e a apresentação do grupo de teatro da Escola de Música Municipal. O tema da peça é Diga não à depressão.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgados em 2018 apontam que, até 2020, a depressão será a maior causa de afastamento do trabalho no mundo. No Brasil, 5,8% da população sofre com a doença, o que faz o Brasil campeão dos casos na América Latina. As mais acometidas pelo problema são as mulheres – o número chega a ser 150% maior entre elas se comparado aos homens.

“A depressão é uma doença silenciosa e precisamos ampliar a informação e o conhecimento sobre esse mal, suas causas, sintomas e meios de prevenção e tratamento, além de vencer o preconceito que ainda cerca os pacientes”, explicou a Profª Cris do Barreto.

Suicídio

Além de causar diversos transtornos individuais e sociais, a depressão também é uma das maiores causas de suicídio. No Brasil, a média é de um suicídio a cada 46 minutos. Em 2016, o País registrou 11.433 mortes por suicídio – crescimento de 2,3% em relação ao ano anterior. O suicídio é maior entre os homens, se comparado às mulheres, e a quarta causa de morte de jovens com idade entre 15 e 29 anos. Os dados são do Ministério da Saúde.

“Tivemos uma série de casos em Arujá e a Semana tem esse objetivo: chamar a nossa atenção para a necessidade de preservamos a vida de nossos jovens e efetivarmos políticas públicas de apoio à saúde mental”, pontuou a vereadora. O evento também é uma alusão ao Setembro Amarelo – uma campanha nacional de prevenção ao suicídio.

A atividade é gratuita e aberta à população.

VEJA TAMBEM...

Siga o Arujá Reporter

12,894FãsCurtir
48SeguidoresSeguir
35InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Mais lidas

- PUBLICIDADE -