PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Temporal volta a trazer transtornos em Arujá

Rosimar Santos

PUBLICIDADE

Defesa Civil recebeu diversas notificações de ocorrências nesta quinta-feira.

Os arujaenses foram castigados novamente pelas fortes chuvas, na tarde desta quinta-feira, 6. A Defesa Civil de Arujá recebeu várias chamadas de ocorrência. Houve desmoronamento de uma barragem na Chácaras Copaco. Muros caíram no Arujá Rios e Vertentes. Um alagamento foi ocasionado pela duplicação da rodovia Mogi-Dutra no Jacarandá.

Na segunda-feira, 3, o temporal trouxe ainda mais prejuízos para a cidade. Naquela tarde, em apenas duas horas, choveu 80 milímetros, o equivalente a 40% da chuva prevista para todo o mês de fevereiro. A Prefeitura de Arujá suspendeu o retorno às aulas, que estava previsto para terça-feira, 4. Os alunos voltarão às escolas municipais apenas na próxima segunda-feira, 10.

A Rodovia Presidente Dutra, entre os quilômetros 199 e 196, em Arujá, teve o tráfego interrompido pela inundação da pista sentido São Paulo. A Mogi-Dutra também foi afetada pelas chuvas, tanto que a Prefeitura fez reunião com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER)

Na terça-feira, 4, o prefeito de Arujá, José Luiz Monteiro, encaminhou ofício para as prefeituras de Guarulhos, Itaquaquecetuba e Santa Isabel. A gestão municipal culpa os municípios vizinhos por não limparem seus córregos, o que teria contribuído com inundações no território arujaense.

PUBLICIDADE

Tópicos
Compartilhe
Veja também
SIGA O ARUJÁ REPÓRTER

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE