26.5 C
Arujá
quarta-feira, janeiro 27, 2021
Início Política Camargo define secretariado e anuncia economia de R$ 1 milhão com enxugamento

Camargo define secretariado e anuncia economia de R$ 1 milhão com enxugamento

- PUBLICIDADE - Error: Embedded data could not be displayed.

Prefeito eleito toma posse na próxima semana

Em coletiva de imprensa no Paço Municipal, no Centro, nesta segunda-feira (21), o prefeito eleito de Arujá, Luis Camargo (PSD), anunciou os nomes do próximo secretariado, além da junção de algumas secretarias. O enxugamento da máquina pública vai possibilitar uma economia de R$ 1 milhão por ano nos cofres públicos.

Camargo toma posse em 1º de janeiro, às 15h, em cerimônia no Clube União Arujaense. Entre as primeiras ações, ele quer retomar a licitação do projeto executivo do Hospital de Arujá – que foi barrada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), instaurar o Comitê Operação Verão, por conta das possíveis enchentes, fiscalizar a manutenção das escolas municipais e fazer uma auditoria nos contratos existentes.

Para otimizar os recursos públicos, Camargo determinou a junção das secretarias de Planejamento, Serviços e Obras, que serão coordenadas pelo arquiteto Marco Valdanha. O vereador Rogério da Padaria (PDT) será o secretário de governo. A surpresa foi a manutenção do atual secretário municipal de Finanças, Caio Araújo, que é economista e conhecido por sua capacidade técnica na área.

Confira os demais nomes do secretariado:

Ricardo Pitta, secretário municipal de Esportes

Foto: Divulgação

Ricardo de Almeida, o Ricardo Pitta, é advogado, graduado em Gestão em Planejamento Financeiro, Pós-Graduando em Processo Civil e Direito Público, com ênfase em Gestão Pública, pela Faculdade Damásio.
Entusiasta e praticante de futebol amador, artes marciais e esportes radicais, entre outras modalidades.
Atuou como assessor parlamentar na Câmara Municipal de Arujá, de 2010 até 2015.
Posteriormente, de 2015 até 2020, exerceu funções de assistente e assessoria na Secretaria Jurídica de Arujá. Também atua como advogado na cidade, na área cível e
trabalhista.

Marcos Regueiro, secretário municipal de Assuntos Jurídicos

Foto: Divulgação

Marcos Roberto Regueiro, casado, advogado, professor universitário, servidor público há 33 anos, pós-graduado em Direito Público Municipal pela Fundação GV, pós-graduado em Direito Tributário pela Escola Paulista de Direito. Chefe da Divisão de Execução Fiscal, diretor de Tributação, procurador jurídico e, desde 2011, secretário de Gestão Pública do município de Mogi das Cruzes.

Rogério da Padaria, secretário municipal de Governo

Foto: Divulgação

Rogério Gonçalves Pereira, o Rogério da Padaria, vive em Arujá desde os quatro anos de idade. Estudou nas escolas estaduais Profº Amadeu de Angelis (Jardim Renata) e Dr. Renê de Oliveira Barbosa. Começou a trabalhar aos nove anos como ajudante do irmão – os dois vendiam salgadinhos em frente à escola – e aos 14 anos conseguiu seu primeiro registro na carteira de trabalho. Apesar de formado em Técnico de Programação, decidiu investir em negócios próprios até adquirir uma panificadora no Parque Rodrigo Barreto. Pai de três flhos: Hayana, Rogério Jr. e Hayssa. Concluiu o curso superior de Tecnologia em Gestão Pública em 19/02/2015 na Universidade Metodista – Faculdade de Gestão e Serviços. Em 2012, em sua primeira vez disputando as
eleições, foi eleito com 866 votos. Em 2016, foi eleito com 1.056 votos, tornando-se o mais bem votado naquele ano da cidade.

Andreia Assis, secretária municipal de Meio Ambiente

Foto: Divulgação

Profssional autônoma na área de engenharia civil e ambiental, realizando licenciamentos, elaborando projetos, assessorando clientes e prestando consultoria em ambas as áreas técnicas. Trabalhou na empresa Bueno Engenharia de gasoduto, gerenciada pela Transpetro. Atuou ainda na Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura de Santa Isabel.
Na Prefeitura de Igaratá, trabalhou na fiscalização de obras. Já na Prefeitura de Arujá trabalhou na Secretaria de Meio Ambiente, na diretoria responsável pelas vistorias e andamento dos processos e, posteriormente, montou uma empresa de consultoria e assessoria ambiental.

José Carlos Santos, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico

Foto: Divulgação

Bacharel em Direito, pós-graduando MBA em Direito Público Municipal e em Gestão Pública – Gerente de Cidade, fez cursos sobre Lei de Licitações e Procedimentos Administrativos e trabalhou no setor industrial (1976 a 1982), na Prefeitura de São Paulo (1983 a 1989), Nossa Caixa Nosso Banco (1987 a 1996), Câmara Municipal de Arujá como vereador (1997 a 2004), presidente da Câmara Municipal de Arujá (2001 a 2002), depois foi assistente jurídico na Prefeitura de Itaquaquecetuba (2006 a 2008) e secretário municipal de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Arujá (2011 a 2016).

Marco Valdanha, secretário municipal de Planejamento

Foto: Divulgação

Marco Valdanha é arquiteto formado pela FAU-UBC de Mogi das Cruzes desde 1990, atuando na cidade de Arujá e Região como arquiteto urbanista desde então, com projetos, construção e administração de obras, tais como ampliações das Câmaras Municipais de Arujá e de Jacareí, Condomínio Alpes d’Itália (primeiro conjunto de prédios de Arujá), o heliporto e diversas residências nos condomínios e prédios comerciais.

Elaine Gentil, secretária municipal de Educação

Foto: Divulgação

Formada em Jornalismo, Letras e Pedagogia. Pós-graduada em Psicopedagogia e Educação Inclusiva. Professora desde 1994, atuou na rede pública estadual e trabalha na rede municipal de Arujá há 20 anos. Atualmente é coordenadora pedagógica nesta mesma rede. Trabalhou como coordenadora do Departamento de Comunicação da Secretaria de Educação de Arujá. Atuou também como coordenadora geral do Ensino Fundamental na Secretaria e como diretora pedagógica do município.

Márcio Knoller, secretário municipal de Saúde

Foto: Divulgação

Médico formado pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) em 2006, pós-graduado em Unidade de Terapia Intensiva pela Terzius – Campinas, possui diversas qualificações em Ultrassonografia, Ecocardiografia fetal, colposcopia e histeroscopia, fez cursos de
Suporte Básico de Vida, Imersão em Terapia Neurológica, Curso teórico-prático de acesso à via aérea respiratória para intensivistas e emergencistas, Terapia Nutricional no Paciente Grave e Suporte Avançado de Vida em Cardiologia. Trabalhou como médico em diversos setores da Santa Casa de Santa Isabel nas áreas de Ginecologia e Obstetrícia e também no Pronto-Socorro de Suzano, na Clínica Poá D’Or, Climes de Mogi das Cruzes, Santa Casa de Mogi das Cruzes, no Samu de Itapevi, na UPA de Itatiba, na Maternidade Mogi Mater em Mogi das Cruzes, no Hospital AMA de Arujá, na Klimed de Itaquaquecetuba e, desde fevereiro de 2019 até a atualidade, é diretor técnico e coordenador do Pronto Atendimento do Hospital e Maternidade Dalila Ferreira Barbosa e do
PAM do Barreto, em Arujá.

Rodolfo Machado, secretário municipal de Habitação

Foto: Divulgação

Graduado em Gestão em Serviços Públicos e Educação Física, tem 40 anos, trabalhou como assessor de gabinete na Câmara Municipal de Guarulhos (2001 a 2005), diretor de Esporte na Prefeitura de Guarulhos (2006 a 2007), chefe de gabinete de vereador na Câmara Municipal de Guarulhos (2007 a 2009), como secretário adjunto de Desenvolvimento Urbano na Prefeitura de Guarulhos (2009 a 2016), assessor legislativo na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (2017 a 2019) e na Prodesp no Poupatempo do Estado de São Paulo como gestor da Unidade Guarulhos (2019 a 2020). Participou de Seminário de Estratégias de Campanhas Eleitorais pela The George Washington University – EUA e Observador do Ministério do Esporte do Campeonato Mundial Universitário em Belgrado – Sérvia.

Washington Adami, secretário municipal de Segurança

Foto: Divulgação

Investigador da Polícia Civil de São Paulo de 1985 a 2017, Washington tem 55 anos, quatro filhos e 35 anos de experiência na área da Segurança Pública. Desde 2002, professor da Academia de Polícia (Acadepol) da Polícia Civil de São Paulo e foi tutor da rede
de ensino a distância da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) de 2009 a 2018.

Juvenil dos Santos, secretário municipal de Cultura

Foto: Divulgação

Professor Juvenil, formado em Filosofia, professor da rede estadual e munícipe de Arujá há mais de 35 anos, exerceu três mandatos como vereador do município, com diversos projetos importantes e que trouxeram mudanças efetivas para a cidade. Promoveu grandes mudanças n o cenário da Educação, quando esteve junto à pasta como secretário, inclusive na apresentação, em outros municípios, de grandes projetos que
desenvolveu na cidade. Esteve à frente como desenvolvedor de cursos de capacitação profissional e, atualmente, é palestrante sobre projetos de inovação e possibilidade de execução na Administração Pública.

Claudia Irente, diretora de Comunicação

Foto: Divulgação

Claudia Roberta Irente Yoscimoto é jornalista formada desde 1998 pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC), com especialização em reportagens policiais e políticas, tendo
passado pela Rádio Metropolitana AM 1070 de Mogi das Cruzes e por várias editorias como repórter nos jornais Diário de Suzano, A Hora de Suzano, Revista Leve, O Diário (de Mogi), Mogi News e Diário do Alto Tietê (DAT), onde nesses dois últimos também
atuou como chefe de reportagem e editora. De 2006 a 2009 morou no Japão, onde fez trabalhos de assessoria de imprensa para políticos brasileiros, escreveu para a revista Navidad e foi correspondente da sucursal Aichi nas revistas brasileiras Alternativa e Alternativa Nishi. Foi assessora para Assuntos Político-Legislativos de vereador na Câmara Municipal de Mogi das Cruzes.

Caio Araújo, secretário municipal de Finanças

Foto: Divulgação

Economista com graduação pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e pós-graduação em Inteligência de Mercado pela Saint Paul Escola de Negócios. Cursando MBA em Contabilidade Pública e Responsabilidade Fiscal pela Uninter.
Coordenador da Câmara Técnica de Finanças do Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê). Foi diretor técnico-financeiro na Secretaria de Educação de Arujá no período de 2017 a 2018. Desde 2019, ocupa o cargo de secretário de Finanças de Arujá.

Marina Antonio, secretária municipal de Assistência Social

Foto: Divulgação

Possui graduação em Serviço Social pela Universidade de São Francisco – São Paulo – USF-SP (1985). Atua como servidora efetiva no município desde 1995, iniciando como assistente social da Secretaria de Saúde do estado na área da Saúde. EM 2.000 passou a ser funcionária do município. Atuando sempre na Secretaria de Assistência Social na condição de assistente social, diretora e atualmente como Secretaria Adjunta.

Error: Embedded data could not be displayed.

VEJA TAMBEM...

Siga o Arujá Reporter

12,894FãsCurtir
48SeguidoresSeguir
35InscritosInscrever
- PUBLICIDADE - Error: Embedded data could not be displayed.
- PUBLICIDADE - Error: Embedded data could not be displayed.

Mais lidas

- PUBLICIDADE -